Home Vida Saudável Seis vezes mais saudável: a diferença de quem vai trabalhar de bike
Seis vezes mais saudável: a diferença de quem vai trabalhar de bike

Seis vezes mais saudável: a diferença de quem vai trabalhar de bike

Que andar de bike faz bem à saúde não é novidade, mas estudo realizado em Londres surpreendeu com o quão melhor fica a qualidade de vida.

0
1

Não é de ficar surpreso, afinal, qualidade de vida aliada à prática de exercícios físicos constantes são extremamente benéficos para a saúde física e mental. Isso todo mundo sabe ou pelo menos deveria saber.

Um estudo realizado em Londres pela Brunel University London e publicado no Journal of Public Health tem surpreendido até mesmo os seus próprios líderes. Glenn Stewart, um deles, disse que, embora fosse claro que ciclistas são mais saudáveis, o número seis é muito alto. “As autoridades de saúde recomendam um mínimo de 150 minutos de atividade física por semana. Um monte de gente fica com preguiça, mas basta usar a bicicleta quinze minutos por dia para se deslocar até o trabalho, e outros quinze para voltar, cinco dias por semana”, afirma Glenn.

Stewart também observou os benefícios que o ciclismo oferece para a saúde de todos os cidadãos. “O Sistema Nacional de Saúde é financeiramente saturado, pois dedica 70% do seu orçamento para doenças durante um longo período de tempo, o que poderia ser reduzido em 20 a 40% se estivéssemos fazendo atividades físicas regularmente em cima de uma bicicleta, por exemplo.”

O estudo tem sido muito bem recebido pela comunidade crescente de bicicleta em Londres. “Este estudo mostra mais uma vez que o ciclismo é uma opção de transporte simples e eficaz que pode ajudar as pessoas a atingirem rapidamente os níveis recomendados de atividade física”, disse Simon Munk, da London Cycling Campaign, que também acrescentou que ser um adepto da bicicleta é muito mais rentável e garante uma vida muito mais prazerosa e cheia de saúde.

Embora todos esses benefícios não sejam novidades, é importante evidenciar o óbvio. Se você deixa de ir de carro, moto, ou ônibus para o seu trabalho e começa a pedalar, os resultados são gritantes. Não só no quesito qualidade de vida e saúde, mas também no que diz respeito a economia e sustentabilidade.

Pense na bicicleta como uma das soluções mais rentáveis para muitos dos problemas ambientais e de saúde humana e logo perceberá que tudo faz sentido. No futuro, sua saúde agradecerá!