1. Home
  2. Comportamento
  3. Emissões de CNHs caem pela metade e bikes ganham mais espaço
Emissões de CNHs caem pela metade e bikes ganham mais espaço
0

Emissões de CNHs caem pela metade e bikes ganham mais espaço

0
0

O futuro do transporte urbano está cada vez mais claro: os carros não sobreviverão por muito tempo. Pelo menos não se seguirem com o modelo vigente de queima de combustíveis fósseis na nossa atmosfera. Pesquisas já mostraram que o interesse dos jovens pelos carros diminuiu e eles já não aparecem no topo da lista de “sonhos de consumo”, agora é a vez de outro fato chamar a atenção: a queda abrupta no número de CNHs emitidas.

Foto: Raysonho
Foto: Raysonho

Segundo a Associação Nacional dos Detrans (AND), entre 2013 e 2015 a quantidade de carteiras de habilitação sofreu uma redução de 53%. Ou seja, a cada ano que passa menos pessoas estão se capacitando para fazer parte do caótico sistema de transporte urbano motorizado.

Foto: Henrique Boney
Foto: Henrique Boney

O caminho para o futuro não deve ser trilhado de carro. A cada dia que passa vemos mais ciclistas nas ruas e, aos poucos, os motoristas estão se acostumando com a nova situação e respeitando quem está pedalando ao lado, afinal, pode ser sua filha, primo, amigo, cunhada, chefe ali ao lado sobre duas rodas (e não deveria nem precisar entrar nesse ponto, já que a vida de todos vale o mesmo).

A queda brusca no número de novos motoristas nas ruas pode ser considerada um reflexo de diferentes questões. Além da poluição gerada pelos motores à combustão, o trânsito enfrentado nas ruas, as melhores opções de transportes públicos como ônibus, trens e metrôs, o crescimento das ciclovias e o aumento do número de bikes, ainda tem o valor para tirar a licença. Hoje em dia o preço pode chegar a 2 mil reais! =O

O melhor é ir de bicicleta mesmo 😉

 

Foto em destaque de Diego Cavichiolli Carbone