1. Home
  2. Dicas
  3. Vai de bike? Leve seu cachorro junto!
Vai de bike? Leve seu cachorro junto!

Vai de bike? Leve seu cachorro junto!

0
0

Você não precisa deixar seu cão em casa quando vai sair para andar de bike. Primeiro pelo simples fato dele ser seu melhor e mais sincero amigo, segundo por ele também precisar de exercícios periodicamente e terceiro, mas não menos importante, é que se você abandona seu animal em casa ele pode ficar deprimido.

Grande parte das pessoas não leva seus cães para passear por insegurança, medo de causar algum prejuízo à saúde do animal, mas isso pode ser evitado se você tomar alguns cuidados. Listamos algumas boas práticas que podem ajudar você a quebrar esse tabu e construir um hábito feliz e saudável.

cachorro e bicicleta

Tenha uma bike de acordo com o ambiente onde irá pedalar

Se você for fazer um passeio diferente, é bom que sua bicicleta esteja de acordo com o ambiente. Se você for para a montanha, é preciso que sua bicicleta possua os equipamentos adequados para montanha, se você for ao parque, a mesma coisa deve ser feita, e por aí vai. Não esqueça que você estará pedalando por dois e os cuidados devem ser redobrados. Atente-se às curvas, pois é preciso saber em qual dos lados seu cão está para evitar um acidente.

Escolha uma coleira chamativa

A melhor opção de coleira para seu animal de estimação é a que possui cores brilhantes e chamativas. Principalmente se você gosta de pedaladas noturnas. Essa atitude ajuda a torná-lo mais visível diante de um imprevisto durante o passeio.

Placa de identificação

Se o seu animalzinho ainda não possui uma placa de identificação, você está sendo negligente com os cuidados dele. É a mesma coisa que você não possuir uma carteira de identidade. O primeiro passo é você adquirir uma, e rápido. Depois disso, basta aplicar na coleira e, SEMPRE que for sair com seu cão, certifique-se de que ela está lá.

Cuide de quem está ao seu lado e faça-o permanecer ali

cachorro e bicicleta

Apesar do método mais comum ser guiar o cão com a mesma mão que segura o guidão, é importante você saber que essa prática é perigosa e deve ser evitada.  Basta um piscar de olhos para  perder o controle e o passeio virar um embaraço. Uma opção é usar um acessório como o Cycleash, que permite que você prenda seu cão ao lado esquerdo da bicicleta perto do eixo da roda traseira. Assim, você guia a bike usando as duas mãos, além de impedir que o dog se enfie na frente da bicicleta mesmo sem querer.  É recomendada para cães médios ou grandes, com mais de 10 kg e boa condição física.

Quanto menor o cão, maior deve ser o cuidado

cachorro e bicicleta

Quem tem cães de porte pequeno sabe o quão difícil é manter o ritmo. Essas figurinhas são extremamente agitadas e se dispersam facilmente. Nestes casos, uma excelente opção é colocá-las em uma cesta. Hoje você pode encontrar cestas especializados para transportar seu animal de estimação que incluem materiais macios, capas ou cintos de segurança para uma viagem confortável e segura.

Trailer

cachorro e bicicleta

Trailers funcionam bem para portes pequenos e médios. Sem contar que os cães mais velhos podem desfrutar de um passeio espetacular sem precisar fazer qualquer esforço. Dessa forma, eles passeiam, não ficam em casa depressivos e você faz a sua parte mantendo a saúde em dia.

Essa opção também serve se você possui um cão que esteja doentinho. Assim, você (e ele) não precisa ficar em casa o tempo inteiro. Especialistas apontam que cães doentes precisam passear, respirar ar puro e pegar Sol para que seu quadro não agrave.

Quando pensar em sair de casa e deixá-lo sozinho, lembre-se das nossas dicas. Você não deve abandonar seu melhor amigo em hipótese alguma. Se o seu problema tinha a ver com a segurança, mostramos algumas maneiras de quebrar esse tabu. Se você conhece outra dica de segurança, compartilhe!

Via